quarta-feira, 29 de setembro de 2010

"Os amigos não se afastariam, teriam a decência em achar que a amizade é um laço para toda a vida, indestrutível, inquebrável e seguro. Num mundo perfeito, a amizade seria respeitada e, inconscientemente, dar-se-iam novidades todas as semanas, como as velhinhas que estão ali, à hora exacta, a verem a telenovela todos os dias para não perderem o fio à meada porque a amizade seria assim, uma necessidade em saber como está o outro agora, e depois, e na semana seguinte.
Num mundo perfeito a amizade nunca seria posta em causa, nunca teria desentendimentos nem mal entendidos e, caso isso acontecesse, o orgulho seria menor e as pessoas voltariam a aproximar-se porque sentiriam saudades. Isso num mundo perfeito. O mundo não é perfeito e as pessoas são caprichosas, exigentes e sobretudo orgulhosas."

Daqui

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Pânico em Braga!


Uma pessoa sai de casa às 10h, vestida à Verão, para ir trabalhar toda catita e quando sai às 16.30 o tempo está uma caca.


Meia hora de treta ao lanche e de repente mega chuveirada, não se via um palmo à frente do nariz, os carros não andavam, era água por tudo que era lado. 5 segundos, tempo que demora sair do carro e dar uma corridinha à porta do prédio, à chuva resulta nas sapatilhas, calças e camisola todas encharcadas...


10 minutos depois o CAOS!!





Passado 3 horinhas do acontecimento do ano em Braga (uma tromba de água segundo o que dizem no telejornal) e o trânsito continua caótico...